40 DIAS COM O ESPÍRITO SANTO – DIA 4

Por

Dia 4 – O Espírito Santo Participou na Criação

15 de abril de 2018 – Domingo

[…] Ele, de fato, esteve presente e ativo durante todo o tempo, desde Criação em diante. Por exemplo, o Faraó discerniu que o Espírito de Deus estava com José (Gn 41.38). […] As referências ao Espírito Santo estão em muitas porções bíblicas. Uma das maiores é esta: “Não por força nem mediante a violência, mas pelo poder do meu Espírito! Afirma o Eterno¹ dos Exércitos” (Zc 4.6).

Porém, de volta à Criação, vemos que Deus, o Pai, foi o agente primário em iniciar esse ato. Entretanto, o Filho e o Espírito Santo também estiveram ativos.  O Filho é constantemente descrito como Aquele “através” de Quem se deu o ato da Criação. “Todas as coisas foram feitas por intermédio dele; sem ele, nada do que existe teria sido feito” (Jo 1.3). O apóstolo Paulo disse há “um só Senhor, Jesus Cristo, por meio de quem vieram todas as coisas e por meio de quem vivemos” (1 CO 8.6). O Filho é aquele “por meio de quem [Deus] fez o universo” (Hb 1.2). Da mesma maneira o Espírito Santo operando na Criação. Ele geralmente é descrito como alguém completando, enchendo e dando a vida á Criação de Deus.

“O Espírito de Deus se movia sobre a face das águas” (Gn 1.2 – NVI), indicando uma função perseverante, sustentadora e governante. “O Espírito de Deus me fez; o sopro do Todo- poderoso me dá vida” (Jo 33.4).  A palavra Espírito, no Antigo Testamento, vem do hebraico Ruah, que significa “vento”, “sopro” ou “espírito”. O Vento de Deus – Sopro de Deus – poderia ser uma maneira figurada de Se referir à ação do Espírito Santo na Criação. Então, o salmista , ao falar sobre a grande atividade das criaturas da terra e do mar, afirma: “quando envias o Teu Espírito , são criadas, e renovas a face da terra” (Sl 104:30)

Como acabamos de ver Jesus, a segunda Pessoa da Triunidade, é descrita como Criador.  “… pois nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis sejam tronos ou soberanias, poderes ou autoridades; todas as coisas, e nele tudo subsiste” (CL 1.16,17). Algumas dessas linhas poderiam igualmente descrever o Espírito Santo – por exemplo, a afirmação de que Ele já existia antes de todas as coisas. A questão é: Não devemos jamais esquecer ou desconhecer que o Espírito Santo participou na Criação, assim como Jesus e o Pai.

 

Para ampliar seu estudo e crescimento: Gênesis 1.1-3; Salmos 90 e 139; João 1.1-14; 1 Coríntios 2.10-16.

 

1 Nota do Editor: O Eterno é o nome de Deus YAHWEH – o que era, o que é e o que sempre será.

 

(Texto Extraído do Livro “40 Dias com o Espírito Santo – Andando Diariamente com o Espírito Santo- Uma jornada para experimentar Sua presença de uma maneira fresca e nova” – R. T. KEDALL)

share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *